LULA 2018

"Lula é odiado porque deveria dar errado e deixar em paz as elites para seguirem governando o Brasil por muito tempo. Um ódio de classe porque ele é nordestino, de origem pobre, operário metalúrgico, de esquerda, líder máximo do PT, que deu mais certo do que qualquer outro como presidente do Brasil. Odeiam nele o pobre, o nordestino, o trabalhador, o esquerdista. Odeiam nele a empatia que ele tem com o povo, sua facilidade de comunicação com o povo, a popularidade insuperável que o Lula tem no Brasil. O prestígio que nenhum outro político brasileiro teve no mundo", diz Emir Sader, em resposta aos que já o apontam como ameaça à democracia, de olho em 2018; "Quem odeia o Lula, odeia o povo brasileiro, odeia o Brasil, odeia a democracia"

REVISTA BR247 EDIÇÃO #29 - 6 DE MARÇO DE 2015

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Obama diz que Lula é "o político mais popular da Terra"

http://economia.uol.com.br/videos/assistir.jhtm?media=obama-diz-que-lula-e-o-politico-mais-popular-da-terra-04023366E0A19326



O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quinta-feira que seu colega brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, é "o político mais popular da Terra" (assista ao vídeo).

A afirmação foi feita no momento em que o americano, o brasileiro e o primeiro-ministro da Austrália, Kevin Rudd, trocavam cumprimentos, pouco antes do início da reunião do G20 (grupo das potências econômicas do mundo e dos principais países emergentes).

Os três chefes de governo conversavam informalmente antes de se iniciarem as atividades oficiais. Enquanto Lula e Rudd trocavam aperto de mãos, Obama brincou, como se estivesse apresentando o brasileiro ao australiano, e disse: "Ele (Lula) é o cara, adoro esse cara". E acrescentou: "Ele é o político mais popular da Terra".

Rudd completou: "O mais popular político de longo mandato". O americano então emendou, novamente se referindo a Lula: "É porque ele é boa pinta".

************

Acho que uma notícia dessa deixa a oposição desesperada e planejando alguma coisa a mais para abafar o sucesso do Governo Lula.

Nenhum comentário: