LULA 2018

"Lula é odiado porque deveria dar errado e deixar em paz as elites para seguirem governando o Brasil por muito tempo. Um ódio de classe porque ele é nordestino, de origem pobre, operário metalúrgico, de esquerda, líder máximo do PT, que deu mais certo do que qualquer outro como presidente do Brasil. Odeiam nele o pobre, o nordestino, o trabalhador, o esquerdista. Odeiam nele a empatia que ele tem com o povo, sua facilidade de comunicação com o povo, a popularidade insuperável que o Lula tem no Brasil. O prestígio que nenhum outro político brasileiro teve no mundo", diz Emir Sader, em resposta aos que já o apontam como ameaça à democracia, de olho em 2018; "Quem odeia o Lula, odeia o povo brasileiro, odeia o Brasil, odeia a democracia"

REVISTA BR247 EDIÇÃO #29 - 6 DE MARÇO DE 2015

terça-feira, 2 de junho de 2009

CNT/Sensus: 81,5% aprovam o governo Lula...Chora PSDB!


A aprovação pessoal do Presidente Lula subiu de 76,2% para 81,5% na pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta segunda-feira, 1º. Também voltou a subir a aprovação ao governo Lula, que passou de 62,4% para 69,8%. Em janeiro, a aprovação do governo Lula era de 72,5%. O instituto abordou na sondagem qual seria o desempenho do presidente caso ele pudesse concorrer nas eleições de 2010. A porcentagem de intenções de voto subiu de 16,2% para 26,2%. Lula, no entanto, já disse que não quer disputar um terceiro mandato

O diretor do instituto Sensus, Ricardo Guedes, avalia que Lula e o governo voltaram a crescer nas pesquisas em consequência da estabilidade do Brasil frente à crise econômica internacional.

"Ele ainda está no patamar recorde, é um dos mais altos patamares registrados pelas pesquisas. A avaliação negativa da crise foi maior em março e os resultados agora mostram que o país está mais adequado à crise", afirmou.

A pesquisa CNT/Sensus foi realizada entre os dias 25 e 29 de maio, em 136 municípios de 24 Estados. Foram ouvidas 2.000 pessoas, e a margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou menos.

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/


Nenhum comentário: