LULA 2018

"Lula é odiado porque deveria dar errado e deixar em paz as elites para seguirem governando o Brasil por muito tempo. Um ódio de classe porque ele é nordestino, de origem pobre, operário metalúrgico, de esquerda, líder máximo do PT, que deu mais certo do que qualquer outro como presidente do Brasil. Odeiam nele o pobre, o nordestino, o trabalhador, o esquerdista. Odeiam nele a empatia que ele tem com o povo, sua facilidade de comunicação com o povo, a popularidade insuperável que o Lula tem no Brasil. O prestígio que nenhum outro político brasileiro teve no mundo", diz Emir Sader, em resposta aos que já o apontam como ameaça à democracia, de olho em 2018; "Quem odeia o Lula, odeia o povo brasileiro, odeia o Brasil, odeia a democracia"

REVISTA BR247 EDIÇÃO #29 - 6 DE MARÇO DE 2015

segunda-feira, 28 de julho de 2014

​Aécio fez aeroporto para acabar com o caos aéreo e é criticado por comunistas ingratos


by  • 22 de julho de 2014

meu-aero

Aécio Neves, grande líder juvenil, vendo o caos aéreo que dominaria os aeroportos brasileiros durante a Copa do Mundo de 2014, não poupou esforços para evitar que o mesmo acontecesse e mandou construir um novo aeródromo em Minas para tentar evitar o pior. Assim, na falta de espaço disponível para construir, uma vez que um aeroporto usa uma grande área, não teve dúvidas, sacrificou a fazenda do seu próprio tio para não ver empatada as terras dos pequenos agricultores que dela tiram o sustento, num grande exemplo de generosidade, desprendimento e apreço pelo próximo.

Minas está bem servida pelos aeroportos. Imagine quantos mais podem ser construídos nas fazendas dos homens de bem pelo país afora?

O aeroporto de Cláudio desafogou o tráfego de Jatinhos em Confins, e é só o primeiro de uma série de aeroportos para os homens bons, acabando com os congestionamentos nos grandes aeroportos, cujo aviões de carreiras tem que esperar por horas o momento da decolagem, interrompidos que são pelos jatos privados. Ou seja, os maiores beneficiados serão aqueles que andam nos aviões comerciais, uma vez que ganharão tempo e terão suas viagens agilizadas, só não vê isso que não quer ou tem o coração dominado pela maldade bolchevista.

Nosso futuro presidente, assim como JK, é um visionário, e pretende a todo custo tirar o transporte brasileiro do domínio das estradas e passar para o domínio dos aeroportos, como toda e qualquer nação moderna deve fazer. Com isso, Aécio criará a rede de proteção social para os homens de bem, edificando aeroportos e heliportos para o conforto e segurança dos deslocamentos desse importante estrato social. Esse fez e fará muito mais.

É trabalho comprovado!


​Fonte: Recebido por e-mail​

Nenhum comentário: