LULA 2018

"Lula é odiado porque deveria dar errado e deixar em paz as elites para seguirem governando o Brasil por muito tempo. Um ódio de classe porque ele é nordestino, de origem pobre, operário metalúrgico, de esquerda, líder máximo do PT, que deu mais certo do que qualquer outro como presidente do Brasil. Odeiam nele o pobre, o nordestino, o trabalhador, o esquerdista. Odeiam nele a empatia que ele tem com o povo, sua facilidade de comunicação com o povo, a popularidade insuperável que o Lula tem no Brasil. O prestígio que nenhum outro político brasileiro teve no mundo", diz Emir Sader, em resposta aos que já o apontam como ameaça à democracia, de olho em 2018; "Quem odeia o Lula, odeia o povo brasileiro, odeia o Brasil, odeia a democracia"

REVISTA BR247 EDIÇÃO #29 - 6 DE MARÇO DE 2015

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Não deu mais para segurar


Não deu mais para segurar: Dilma, 54%; Aécio 46%

23 de outubro de 2014 | 17:33 Autor: Fernando Brito

disparou

O Ibope antecipou, porque todo mundo já sabia.

Dilma abriu oito pontos de vantagem, o dobro da mais esperançosa "margem de erro" para qual os tucanos queiram apelar.

Chegou a 49% dos votos totais, contra 41% do tucano.

Só a fraude ou um golpe midiático lhe pode tirar a vitória.

Que, como disse este blog bem cedo, será por larga margem.

Não duvidem que passe dos 56% x 44% que teve sobre José Serra.

Aécio está se desmanchando como uma pedra de gelo sob o sol.

Mais rápido ainda, porque queima de raiva.

É a vitória da persistência contra o espalhafato, os espertalhões, os conchavos, a incoerência.

Porque político é incoerente, mas o cidadão comum não é, não senhor.

Deixem que o ódio corra por conta de quem tem nojo do nosso povão.

Sejam ignorantes: ignorem os raivosos e espalhem fraternidade.

Ganhe voto não contra Aécio, mas pelo povo brasileiro.

Diga aos indecisos e aos que votam nulo e branco que olhem como o nosso povão resistiu e encontrou o que é melhor para nosso país.

É o povo, sozinho, sem políticos, sem mídia, sem madames e sem doutores.

Pele, instinto, barriga.

Aqueles de quem um bacana de Aécio debochou dizendo que votavam com o estômago.

Esqueceu de outros, muitos outros, que votam com o coração.


PS. Não esquentem com o Datafolha, o resultado é o mesmo, é só arredondamento. Os 48% de votos Dilma, divididos pelo total de válidos, dão 53,3333% e os de Aécio, na mesma conta, dao 46,6666 %. Importa é a linha de ascenção/queda. E saber que há ainda 3 a 5% dos votos indecisos a ganhar e, quem sabe, um pedacinho dos nulos.


Fonte: http://tijolaco.com.br/blog/?p=22413

Nenhum comentário: